A equipe

Março de 2007

O Projeto Libertas sofreu diversas alterações ao longo da sua história. Inicialmente ele pertencia à Unidade de Ambiente Operacional da Prodabel, Empresa de Informática e Informação do Município de Belo Horizonte. Passou depois a pertencer à Superintendência de Tecnologia (STT). Até que, em 2007, foi criada a Gerência de Software Livre para Ambientes Operacionais (GLTT), dentro da STT, para cuidar especificamente de softwares livres em uso na Prodabel. A gerência durou até dezembro de 2008, quando houve a dissolução da STT. Atualmente o Projeto Libertas é uma das atividades da Coordenação de Software Livre, que faz parte da Gerência de Engenharia de Software (GESS), alocada na Superintendência de Arquitetura de Sistemas (SAS).

Gestão Atual:


Gestões anteriores

Gestão 2007-2008:

Gerente: Frederico Gonçalves Guimarães

Analistas:

  • Dennis da Silva Faria
  • Erika Ceciane Moreira
  • Ronalt Raimundo Reis Silva

Estagiários:

  • Paula Tatiane Mendes Rodrigues
  • Tadeu Cruz

Gestão 2005-2006:

Gerente: Marconi de Oliveira Campos

Analistas:

  • Danilo Rodrigues César
  • Dennis da Silva Faria
  • Lercio Teotônio Gontijo
  • Márcio Bizzotto
  • Gustavo Formiga Dias

Técnicos:

  • Alessandra M. Gomes Pereira
  • Erika Ceciane Moreira

Gestão 2001-2004:

Gerente: Emilio Lúcio Guimarães

Analistas:

  • Danilo Rodrigues César
  • Dennis da Silva Faria
  • Lercio Teotônio Gontijo
  • Márcio Bizzotto
  • Gustavo Formiga Dias

Técnicos: Alessandra M. Gomes Pereira

Profissionais que participaram contribuindo para o Projeto Libertas:

  • Leonardo Luiz Padovani da Mata
  • Luciana Carvalho Faria
  • Pedro Schaper Bizzotto
  • Theles Luciano Silveira

Parceria na elaboração inicial do projeto

DCC – Departamento de Ciência da Computação da UFMG